Artigos

Neemias impressiona Utah Jazz

Neemias Queta treinou este sábado, nas instalações dos Utah Jazz, a convite da equipa da NBA sediada em Salt Lake City. Dias antes de viajar para Chicago, para participar no NBA Draft Combine, o poste português fez um “workout” no centro de treinos dos Jazz e um dos responsáveis da equipa confessou ter ficado impressionado com a capacidade de lançamento do atleta luso.

O draft da NBA está a mais de um mês de distância e a época da liga norte-americana ainda não acabou, mas as equipas estão já a preparar o futuro. Eliminados dos playoffs logo na primeira ronda, os Utah Jazz apontam baterias ao draft e estão a promover treinos com «prospects» de várias universidades, para verem in loco as qualidades dos jovens atletas.

Este sábado, mais um lote de seis jogadores treinou nas instalações da formação de Salt Lake City e o poste português Neemias Queta, que brilhou esta temporada ao serviço da universidade de Utah State, foi um dos convidados do conjunto orientado por Quin Snyder, a par, entre outros, do angolano Sílvio de Sousa, da universidade de Kansas.

No final do treino, um dos responsáveis dos Utah Jazz, Walt Perrin (VP of Player Personnel), mostrou-se agradavelmente surpreendido: “Ainda é um miúdo novo e ainda tem muitas coisas para trabalhar. Aquilo que me impressionou, porque ainda não o tinha visto jogar muito, foi o seu ‘shooting touch’. Não é um jogador que jogue apenas de costas para o cesto. Isso vai ajudá-lo, possivelmente em Utah State e no seu futuro. Ainda tem um corpo jovem e, portanto, precisa de ficar muito mais forte. Puxámos por ele no treino e reagiu bem defensivamente, portanto foi um bom treino.”

Segue-se agora o NBA Draft Combine, evento organizado pela NBA entre 15 e 19 de maio, em Chicago, e onde as 30 equipas da liga poderão observar de perto 66 jogadores universitários, que terão que passar por medições, exercícios de força, agilidade e lançamento, e pequenos jogos 5×5. Para além de Neemias, marcam presença no Combine nomes de promessas do basquetebol como Zion Williamson, Ja Morant, R.J. Barrett, Jarrett Culver, De’Andre Hunter, Cam Redish ou Bol Bol.

Depois de, juntamente com Diogo Brito, se ter sagrado campeão da conferência Mountain West e garantido a presença na March Madness no ano de estreia na NCAA, que terminou com médias de 11.8 pontos, 8.9 ressaltos, 1.6 assistências e 2.4 desarmes de lançamento, Neemias anda nas “bocas do mundo” e promete continuar a dar que falar.

Leave a Reply